quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Surfe na Barra e memórias Hawaii


Neste momento estou ouvindo trovoadas de uma chuva que vem forte. Da janela, espio o bambuzal balançando enquanto o vento toma força e o céu parece ter sido pintado de roxo. Dentro de uma casa de madeira, a pouco metros de boas ondas e cercada de mato, eu reflito sobre a vida. Nesses últimos dias estou tendo a oportunidade de fazer o que mais gosto: trabalhar perto do mar em uma praia paradisíaca, fazendo yôga e convivendo com a minha família. Vão ser poucos dias, mas o suficiente para dar aquela recarregada. Nos últimos dias vivi momentos mágicos com as minhas amigas na praia da Barrinha, lugar que amo demais. O feriado foi presenteado com ondas incríveis e MUITO sol. Fazia anos que não via uma combinação tão perfeita…Infelizmente já cheguei bem gripada e piorei forte no domingo. Estou me recuperando até agora e, desde então, não pude entrar mais na água. Mas no último sábado peguei “altas” ondas na Barrinha…e da maneira que mais gosto, surfando com a Nanda que é minha grande parceira, e grandes amigos que sempre frequentam a Barra. Aquela energia gostosa de torcer pelas ondas dos outros e fazer a cabeça com as esquerdas fortes. Estou pensando até agora na última “caída” que dei lá. Comecei o dia meio assustada, pois estava gripada, exausta e tinha comido pouco. O mar já tinha uma série forte e fiquei ressabiada…no decorrer do dia fui me soltando até que me joguei nas ondas na última sessão. Peguei boas e tomei grandes “caldos” que me renderam uma otite de noite! Foi divertido tomar as séries e olhar para a Nanda e para o Dudinha (grande amigo) perguntando: O que eu faço??? Enquanto que uma verdadeira “morra” acabava de quebrar na nossa frente! Hahahaha…chora!
Eu, particularmente, sou bem medrosa e costumo demorar para me soltar….depois que você toma algumas na cabeça você percebe que é muito mais forte do que pensa e que é preciso aprender a controlar o medo….ainda mais em beach breaks, se fosse em fundo de coral a história seria outra!!!



(Foto de Gustavo Cabelo/Revista Hard Core- eu a Mari mergulhando em Velzy)

Nessas horas eu lembro de quando surfava com a Mari (Piccoli) na onda de Cammieland no North Shore, Hawaii. A gente já estava “no rip”( Quando a pessoa está com um bom preparo) e já enfrentava condições desafiadoras para nós, mas nada demais para quem surfa no North Shore- e quando a série entrava forte a gente ficava tão nervosa que falávamos besteiras e mergulhávamos quase sem forças para enfrentar a série! Que momentos….Aqui na Barra me dei conta porque amei tanto a onda de Cammie enquanto estava no Hawai. Se tratava de uma direita longa e um esquerda curta e forte…,com as devidas proporções, condições parecidas com as da Barra.


(Uma foto artística da Mari em Velzy)

Bom, na segunda-feira rolaram ótimas ondas na Barra, e eu achei uma sombra e fiz umas imagens. Fotografei muitos amigos e conhecidos que gostam das ondas da Barrinha. Se você surfou na segunda, me mande um e-mail com suas identificações, que separo as fotos (enquanto não posto uma galeria no site e publico algumas no blog).
Well, life is good in Santa Catarina….o tempo fechou mas o swell continua forte.
Keep checking!

Beijos!

Manu

2 comentários:

Rafael Cibrian disse...

Que inveja boa!

Melhoras ai Manu!

tuttichef disse...

Acho que tu saiu melhor que eu naquela bomba que quebrou na nossa cabeça... foi muito bom o feriado, altas ondas e dias lindos.

Beijo grande